fbpx

Benjamín González: “O Open BIM COVID-19 proporciona segurança ao poder ter de antemão um relatório, em muito pouco tempo, com as medidas de proteção mais apropriadas para cada espaço arquitetónico”

Share this:
  • “Com este programa, podemos projetar e criar percursos de circulação, com precisão, para evitar o contato entre as pessoas”
  • “Hotéis, restaurantes, escolas, hospitais, escritórios, instituições públicas, aeroportos, grandes lojas, piscinas, praias, etc. Todos os espaços podem ser otimizados com esta ferramenta, do ponto de vista da segurança contra a COVID-19.”
  • “A ferramenta é totalmente gratuita e permite a visualização dos resultados em 2D, 3D, Realidade Aumentada e Realidade Virtual, graças à utilização da tecnologia Open BIM.”

O Open BIM COVID-19 proporciona segurança ao poder ter de antemão um relatório, em muito pouco tempo, com as medidas de proteção mais apropriadas para cada espaço arquitetónico

Benjamín González Cantó

Diretor de Desenvolvimento Corporativo de CYPE

A empresa de software de arquitetura, engenharia e construção CYPE, desenvolveu o programa Open BIM COVID-19, uma ferramenta disponível na nossa plataforma, de forma gratuita, para dimensionar, calcular e implementar, tanto em edifícios como em locais abertos, as medidas preventivas face à COVID-19. Para isso, o software tem em conta diferentes critérios como a lotação máxima, o distanciamento social, físico, de segurança entre pessoas, estabelecidos na legislação ou o distanciamento entre pessoas e percursos de circulação. Falamos com Benjamín González, Diretor de Desenvolvimento Corporativo da CYPE, para que nos explicasse as características deste inovador programa.



Como surgiu a ideia de desenvolver o Open BIM COVID-19?

A ideia surgiu durante o confinamento em Espanha e quando o estado de emergência para a crise sanitária da COVID-19 se prolongou. Durante esse período, observamos como diferentes governos, dos países afetados, lançavam ideias sobre o desconfinamento e, mais especificamente, sobre os critérios a que as empresas e restaurantes deveriam atender, principalmente em termos de medidas de segurança ao reabrirem, garantindo distâncias mínimas entre pessoas. Por isso, pensámos que seria realmente útil desenvolver um programa, muito fácil de utilizar, para projetar um plano de segurança contra a COVID-19 em qualquer espaço onde haja pessoas e que atenda aos critérios de segurança.

Que tipo de espaços podem calcular-se com o programa Open BIM COVID-19?

Qualquer espaço arquitetónico. Edifícios, lojas, restaurantes, esplanadas ou casas noturnas, hotéis, hospitais, cinemas, estádios de futebol, escolas, locais de culto, etc. Em suma, o utilizador deste programa só precisa de ter uma planta ou um documento gráfico do edifício ou instalação aberta para planear medidas preventivas contra o coronavírus.

Que vantagens este projeto e estes cálculos de segurança oferecem?

Os benefícios são vários. Em primeiro lugar, conhecer antecipadamente por meio de uma simulação quais são as medidas de segurança mais adequadas, dependendo das condições de cada espaço. Com isso, o proprietário de um restaurante, por exemplo, sabe com certeza, antes de tomar a decisão de abrir, quantas pessoas poderá acolher no seu estabelecimento e otimizar o layout dos móveis, tanto quanto possível, oferecendo a máxima segurança para os seus funcionários e clientes. Além disso, permite projetar e criar percursos de circulação para evitar o contato entre as pessoas.

Como são as saídas de resultados do programa?

O Open BIM COVID-19 desenvolve um plano de segurança contra a COVID-19 de acordo com os critérios da legislação. Uma vez elaborado, calculado e verificado o projeto, o programa gera um relatório justificativo com a relação dos elementos que compõem o plano de segurança contra o contágio por COVID-19, que pode ser impresso ou exportado nos formatos TXT, HTML, RTF, DOCX e PDF, além de criar as peças desenhadas do plano de segurança.

As entidades públicas podem beneficiar com a utilização desta ferramenta?

Sim e de diferentes maneiras. Por um lado, poderiam preparar e adaptar os espaços de trabalho em edifícios públicos antecipadamente e com muita eficiência. Mas não apenas nos edifícios, já que, com o mapa das ruas da cidade, por exemplo, poderiam estudar e simular em que ruas poderiam proporcionar mais espaço para as esplanadas dos restaurantes e estabelecer a disposição das mesas e distâncias de segurança. Poderiam até utilizá-lo para o planeamento e otimização das praias para uma futura reabertura ao público: criação de espaços específicos, zonas para a circulação de pessoas, etc.

Decidiram que o software é gratuito. Porquê?

Desde o início que foi claro que se desenvolvêssemos uma ferramenta para minimizar os efeitos do COVID-19, esta seria gratuita. O desenvolvimento desta ferramenta é o resultado do nosso compromisso de melhorar a segurança das pessoas e tentar oferecer mais proteção aos espaços, proporcionando segurança e confiança a todos os que podem beneficiar com a utilização desta ferramenta: instituições públicas, utentes, empresários, clientes etc. Portanto, esta aplicação é totalmente gratuita a partir da plataforma na nuvem BIMserver.center.

Quanto tempo foi necessário para desenvolver o software?

O Open BIM COVID-19 foi desenvolvido em tempo recorde durante o estado de emergência. Em poucas semanas, conseguimos lançar esta aplicação com a dificuldade adicional de estarmos a trabalhar online. Foi um verdadeiro desafio. E continuamos a melhorá-la. A nossa ideia é evoluir e implementar novas soluções. Por exemplo, estamos a implementar a geração dum orçamento para as medidas introduzidas, bem como a capacidade de simular como o vírus se espalha, tendo em consideração a velocidade e o padrão de dispersão das partículas no caso de tosse e espirro, com a tecnologia FDS. 

Em que países este software pode ser utilizado?

O Open BIM COVID-19 está disponível em seis idiomas (espanhol, catalão, inglês, francês, italiano e português) e os parâmetros de verificação são editáveis ​​manualmente, dependendo dos requisitos de cada país. De fato, nos primeiros dias já se descarregou a aplicação em mais de 30 países. 

Como a tecnologia Open BIM o beneficiou?

Este software funciona no fluxo de trabalho Open BIM, a tecnologia mais moderna utilizada no setor da arquitetura, engenharia e construção. Por esse motivo, utiliza ficheiros IFC4, bem como outros tipos de tecnologia, como a dos videojogos para visualização em 3D. Esta tecnologia oferece grandes vantagens e, por exemplo, permite a incorporação de elementos de mobiliário de outros programas. Além disso, e graças à plataforma BIMserver.center, o trabalho realizado com o Open BIM COVID-19 pode ser visto tanto em Realidade Aumentada quanto em Realidade Virtual, o que torna possível tomar decisões mais facilmente.

mm
Share this:
mm

The BIMserver.center Team

O BIMserver.center Team é um grupo de especialistas que se dedicam a diferentes áreas do setor da engenharia, arquitetura e construção. Juntos, eles discutem, promovem e disseminam a tecnologia Open BIM pelo mundo.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *